Univille promove mutirão para limpeza da praia no sábado (19) Imprimir E-mail
Natureza
Dom, 20 de Março de 2016 22:14

Nesse sábado (19/03), a Univille, através do Projeto de Monitoramento de Praias – Bacia de Santos (PMP-BS), realizarou um mutirão para coleta de lixo na praia de Itapema do Norte. O evento acontece às 09h, em frente à 3ª pedra. Além da coleta, também foi realizado palestra sobre o impacto do lixo nas praias e orientações sobre o que fazer para ajudar a manter a praia limpa.


A ação de educação ambiental quer chamar a atenção aos prejuízos que o lixo pode causar ao meio ambiente e principalmente aos animais marinhos, alvo do trabalho do PMP-BS. De acordo com a bióloga e coordenadora do PMP-BS na Univille Marta Cremer, a disposição inadequada do lixo pode trazer grandes prejuízos ao ecossistema, já que além da poluição pode ocasionar a morte de muitos animais.

Para este esforço o projeto conta com a colaboração de algumas instituições locais, como a Associação Itapoense de Surf (AIS), Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (SOSP), Associação de Defesa e Educação Ambiental (ADEA) e Serviços Urbanos de Itapoá (Surbi). Além do apoio destas entidades, a expectativa é que a comunidade se mobilize em prol da ação. “Cada um deve ser responsável pelo lixo que produz e precisamos reforçar esta cultura na comunidade”, ressalta Marta.

Todo o lixo coletado é fotografado, registrado em fichas, pesado, separado por categoria e destinado corretamente ao término da ação pela empresa de coleta do município. Em caso de chuva forte o evento será cancelado e remarcado em nova data.

Projeto de Monitoramento de Praias

O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) é uma atividade desenvolvida dentro do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no Pólo Pré-Sal da Bacia de Santos pela Petrobras, conduzido pelo IBAMA e tem como objetivo avaliar os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e mortos.

Para viabilizar o projeto, a Petrobras firmou um contrato com a Universidade do Vale do Itajaí (Univali), que por sua vez subcontratou as instituições integrantes da REMAB que atuam ao longo dos 1.100 quilômetros de costa que se estende de Laguna (SC) à Ubatuba (SP).

A responsabilidade da Univille é realizar o monitoramento do trecho que compreende o limite norte do município de Itapoá e o limite sul do município de Araquari, incluindo São Francisco do Sul e Barra do Sul, cobrindo cerca de 81 km do litoral norte de Santa Catarina.

Da Assessoria de Comunicação da Univille com adaptações do Diário de Itapoá.

 

Adicionar comentário

Política de Comentários DI

Ao efetivar um comentário, o internauta concorda com a nossa política de moderação.


Código de segurança
Atualizar